Tecnologias em rastreamento

Conheça as princípais tecnologias em rastreamento.

Tecnologias

Conheça as princípais tecnologias em rastreamento.


GPS (Sistema de Posicionamento Global)

O GPS utiliza satélites que estão em órbita da Terra, através de uma rede, transmitindo informações. O sistema GPS utilizando as coordenadas geográficas de latitudes e longitudes definem o ponto na Terra em que se encontra o aparelho receptor.

GPS

Satélite

Um satélite artificial é qualquer corpo feito pelo homem e colocado em órbita ao redor da Terra ou de qualquer outro planeta. Hoje em dia, ao contrário do que ocorria no início da história dos satélites artificiais, o termo satélite vem sendo usado praticamente como um sinônimo para "satélite artificial".

O termo "satélite artificial" tem sido usado quando se quer distingui-los dos satélites naturais, como a Lua.

Atualmente estão em órbita, para além dos satélites do Sistema de Posicionamento Global, satélites de comunicações, satélites científicos, satélites militares e uma grande quantidade de lixo espacial, ou seja, não se deve se referir a satélites apenas como um meio de transporte de dados ou apenas um meio de mapear ou espionar o sistema terrestre.

Os satélites de comunicações são satélites que retransmitem sinais entre pontos distantes da Terra. Estes satélites servem para retransmitir dados, sinais de televisão, rádio ou mesmo telefone. Os chamados telefones por satélite baseiam-se numa rede Iridium, uma rede de satélites de baixa altitude.

Os satélites científicos são utilizados para observar a Terra ou o espaço ou para realizar experiências em microgravidade. Os satélites de observação da Terra permitem estudar as mudanças climáticas, para estudar os recursos naturais, para observar fenômenos naturais, para o mapeamento de cidades e até para a espionagem (alguns satélites tem o poder de aproximação de imagens de 1m de dimensão mas existem especulações de satélites secretos com maior poder de aproximação).

O Espaço é o local ideal para a realização de observações astronômicas já que a luz emitida pelas estrelas não é perturbada pela atmosfera terrestre. Por este motivo é que os cientistas optaram por colocar o telescópio Hubble em órbita junto a outros que utilizam ondas de radar para fazer o mapeamento do espaço.

O espaço é também o local ideal para se realizarem experiências em condições de microgravidade. Estas experiências são realizadas a bordo do módulo orbital do Vaivém Espacial e a bordo da Estação Espacial Internacional.
Não há estatísticas oficiais, mas estima-se que já foram lançados aproximadamente 4.600 satélites, e que apenas cerca de 500 deles continuam em funcionamento. A União Soviética foi o primeiro país a colocar um satélite no espaço, o Sputnik, em 1957.
Em primeira aproximação, o satélite é afetado por uma única força, a força gravitacional exercida no satélite pela Terra. A intensidade desta força determina-se pela Lei da Atração Universal. Por outro lado, e pela 2ª lei de Newton, a intensidade da força é diretamente proporcional à intensidade da aceleração. A aceleração tem a mesma direção e o mesmo sentido que a força gravitacional.

Satélite

Tecnologia de Rádio Frequencia

Ou Triangulação de antenas, utiliza antenas estrategicamente distribuídas pela cidade, onde é possível, pelo processo de triangulação, determinar o ponto onde o veículo esta localizado. A precisão dependerá da disposição das antenas. Saindo do perímetro de abrangência das antenas o sistema não funcionará.

ERB

Geoestacionários

Os satélites geoestacionários são muito úteis, porque enxergam quase que a metade do nosso planeta, sempre desde o mesmo ponto. Fornecendo imagens a cada meia hora, permite captar informações sobre a nosso planeta.

Vários países no mundo possuem satélites geoestacionários, de forma que o planeta todo pode ser observado: 2 satélites dos Estados Unidos (Goes-W sobre o Pacífico e Goes-E sobre Amazônia, cobrindo Pacífico oriental e o continente americano); 2 da União Européia (em 0o de latitude, 0o de longitude, permitindo ver o Atlântico, a áfrica e a Europa; outro sobre o índico); índia (um que observa os oceanos índico e Pacífico e a índia); Federação Russa (um sobre o índico); um do Japão (Pacífico ocidental). Outros satélites permanecem em órbita sem funcionar, esperando seu momento. Os satélites têm seu sistema de propulso que permite deslocá-los até uma posição mais adequada.

Estes satélites dispõem de sensores em vários comprimentos de onda ("canais"), permitindo detectar diferentes características da atmosfera e da superfície da Terra. A abertura do ângulo de visada de um sensor muito pequeno, para poder enxergar apenas uma área de alguns quilômetros de extensão. Para enviar informação sobre o planeta, usualmente giram em torno de seu próprio eixo (o que mantém seu equilíbrio), ao mesmo tempo em que "varrem" a superfície da Terra ("scanning"). As milhões de informações obtidas são transmitidas a uma estação de controle em Terra, que as processam e as enviam de novo ao satélite em diversos formatos. O satélite envia estes dados para que as estações receptoras possam transformá-las em imagens.

Geoestacionários

GSM - Global System for Móbile Communications

Sistema Global para Comunicação Móvel - Tecnologia móvel é o padrão mais popular para celulares do mundo, transmissão feita de forma digital utilizando células.

GSM

Híbrido

Tecnologia Híbrido é a junção das tecnologias (Satélite + Celular + GPS) de rastreamento feita tanto por telefonia celular quanto por satélite, buscando sempre o menor custo de comunicação. Assim quando a situação demandar comunicação por satélite, automaticamente o rastreador passa a se comunicar por este meio, e sempre que a cobertura GSM/GPRS estiver presente, volta a atuar por GSM/GPRS, garantindo transmissão de dados com eficiência.

Híbrido

Satelital

Além de utilizar o sistema de coordenadas do GPS, transmite e recebe sinais através de satélite geoestacionário. O mesmo utilizado para os sinais de televisão.

Satelital

Telemetria

É um sistema de monitoramento com diversas aplicações, muito falada nas corridas como Formula 1, Dragsters e qualquer outro tipo de esporte automobilístico, também muito usada em indústrias para monitoramento geral, normalmente funciona via transmissão sem fio (sinal de rádio) dai seu nome telemetria, em muitos lugares tem o uso em conjunto do Datalog que a função de gravar um período de tempo da leitura dos canais da telemetria. O sistema também utilizado para recolhimento de dados meteorológicos.

Telemetria
Top
Atendimento WhatsApp